Jose Reis o Cazuza (PROS), veio a Foz comemorar aniversario. Vitorassi apanho outra vez no mesmo buteko e do mesmo sujeito. PF faz 29ª fase da Operação Lava Jato; alvo é ex-tesoureiro do PP. Deputado Federal Prof Sérgio e eu falando de automobilismo. Aprovada e encaminhada denuncias ao MP e demais instâncias contra FMS-Fundação Municipal Saúde em Foz.

Depenando a Coruja

depenandoacoruja@gmail.com

por Oliveirinha Jornalista – MTE 08182/PR

 

 

 

Jose Reis o Cazuza (PROS), veio a Foz comemorar aniversario

Em grande estilo o amigo de longa data, CAZUZA retornou em nossa bela cidade para comemorar seu aniversario, mostrando que Foz do Iguaçu é digna te tão importante pessoa impoluta, como este ser.Cazuza

Que Deus lhe dê muita saúde e que Santo Expedito o proteja sempre.

Parabéns pelo seu aniversário Cazuza! Felicidades e sucesso!

 

 

 

 

 

Vitorassi apanho outra vez no mesmo buteko e do mesmo sujeito

Não contente em apanhar uma vez no Bar do Juca, ele voltou e apanhou pela segunda vez no mesmo bar e da mesma pessoa, o Beto Mezzomo que tem uma mão que se parece mais uma raquete. Segundo uma Corujinha que la estava o DITO Vitorassi, que diz que a culpa foi de ele não ter apoido o impeachment de Dilma Rousseff, acabou por falar do genro do Betão.Vitorassi depois da surra_Maio_2016

Ele que tem por habito agredir professoras e servidores municipais, acabou encontrnado alguém que não se importa com sua deficiência mental e lhe desceu a porrada, alias um sujeito que age desta forma ocupando cargo eletivo só pode mesmo é ter deficiência de juízo.

https://www.youtube.com/watch?v=V5U1frNlfwU&feature=youtu.be

Já se cogita o pedido de EXPULSÃO do individuo no PV, qual hoje tem um Senador como referencia política, o Alvaro Dias. No passado Reni Pereira chamou a este editor e ao jornalista Elias Herculano, qual disse que não deveríamos nem cogitar a vinda deste aí, para o PSB.

Onde estão os vereadores sérios pra pedir o impeachment deste aí?

 

 

 

 

Santo Expedito (2)

                                                             “Valei-me Santo Expedito”!

 

 

 

 

PF faz 29ª fase da Operação Lava Jato; alvo é ex-tesoureiro do PP

A PF (Polícia Federal) faz, na manhã desta segunda-feira (23), a 29ª fase da Operação Lava Jato. Estão sendo cumpridos seis mandados de busca e apreensão, dois de prisão temporária e um de prisão preventiva no Rio de Janeiro, em Pernambuco e no Distrito Federal.

PF

Segundo a PF, a nova fase investiga crimes de formação de quadrilha, lavagem de dinheiro e corrupção passiva a ativa envolvendo verbas desviadas do esquema criminoso revelado no âmbito da Petrobras.

O mandado de prisão preventiva (sem prazo) é contra o ex-assessor parlamentar e ex-tesoureiro do PP João Cláudio Genú, que foi detido na manhã de hoje em Brasília.

Ele também foi acusado de participação no escândalo do mensalão. Genú foi acusado de sacar cerca de R$ 1,1 milhão de propinas em espécie das contas da empresa SMP&B Comunicação, controlada por Marcos Valério, condenado por ser o operador do mensalão.

Em 2012, Genú chegou a ser condenado no Supremo Tribunal Federal (STF) por corrupção passiva, mas a pena prescreveu. Ele também foi condenado por lavagem de dinheiro, mas recorreu e foi inocentado em 2014.

joao-claudio-genu-ex-assessor-do-pp-na-camara-um-dos-acusados-no-mensalao-1334599506797_300x300

Genú foi assessor do ex-deputado federal José Janene (PP-PR), morto em 2010. Janene foi apontado pelo ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa e pelo doleiro Alberto Youssef, delatores da operação Lava Jato, como um dos políticos que atuaram no esquema de pagamento de propina envolvendo a estatal.

O ex-parlamentar também foi denunciado por participação no esquema do mensalão, mas morreu antes de ser julgado.

“Surgiram, porém, elementos probatórios que apontam a sua participação também no esquema criminoso que vitimou a Petrobras, motivo pelo qual passou a ser investigado novamente na Operação Lava Jato, onde as investigações apontam que ele continuou recebendo repasses mensais de propinas, mesmo durante o julgamento do mensalão e após ter sido condenado, repasses que ocorreram pelo menos até o ano de 2013”, diz nota da PF.

 

Segundo reportagem do jornal “Folha de S.Paulo, Genú tentou ocupar o espaço deixado no esquema após a morte de Janene. De acordo com delatores, Genú tinha uma atuação relevante no esquema, arrecadando e distribuindo propina, e participava de reuniões sobre a engenharia criminosa antes e depois da morte do deputado.

Por investigar um suspeito absolvido no julgamento do mensalão, a nova operação da Lava Jato foi batizada de “Repescagem“.

 

Segundo o “Paraná Portal, as prisões temporárias (com prazo inicial de cinco dias) são contra Lucas Amorim Alves –também há dois mandados de busca na casa e no escritório dele– e Humberto do Amaral Carrilho. Os policiais também cumprem mandado de busca e apreensão na casa de Antônio Gontijo de Rezende.

Os presos e o material apreendido devem ser levados ainda hoje para a PF em Curitiba.

 

 

 

 

 

Deputado Federal Prof Sérgio Oliveira e eu falando de automobilismo. Deputado Professor Sergio Oliveira

                                                   “E o Autódromo de Foz, Rei Ni?”…

 

 

 

 

 

RESOLUÇÃO Nº 19/2016

 

APROVA E ENCAMINHA DENÚNCIAS AO MP E DEMAIS INSTÂNCIAS DO CONTROLE SOCIAL CONTRA A GESTÃO DA FMS-FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE SAÚDE”. Sadi Buzanello-I

O pleno do CONSELHO MUNICIPAL DA SAÚDE DE FOZ DO IGUAÇU no uso de suas atribuições legais que lhe são conferidas pelas leis orgânicas do SUS e em cumprimento aos dispositivos constantes do seu Regimento Interno, Decreto Municipal nº 23.701 de 31 de março de 2015.

 

CONSIDERANDOS:

 

– Considerando as Leis 8080/90 e 8142/90, bem como as Leis Complementares do SUS, especialmente a Lei 141/2012;

 

– Considerando a Lei Municipal 4.084 de 05 de maio de 2013 que criou a FMS- Fundação Municipal de Saúde;

 

– Considerando o Decreto Municipal 22.156 de 09 de maio de 2013, que estabeleceu o Estatuto da Fundação Municipal de Saúde-FMS;

 

– Considerando os Decretos Municipais 24.290 e 24.291 de 23 de novembro de 2015, que declara “estado de emergência” e promoveu uma “intervenção administrativa” no Hospital Municipal Pe. Germano Lauck;

 

– Considerando o Decreto Municipal 24.564/2016, que promove adequações os Decretos 24.290 e 24.291, que transfere a Gestão dos serviços a FMS-Fundação Municipal de Saúde, através da Comissão Administrativa;

 

– Considerando os Decretos Municipais de 24.575 de 09 de maio de 2016, que revoga o Decreto 24.564/16 que transferia a gestão dos serviços a FMS- Fundação Municipal de Saúde, através da Comissão Administrativa;

 

Considerando a Resolução 22/2015 de 17 de setembro de 2015, que rejeitou a transferência da gestão dos serviços das unidades UPA 24 horas e PA Morumbi e Samu a Fundação Municipal de Saúde;

 

– Considerando também todas as manobras já feitas pela Prefeitura (amplamente divulgada pela imprensa), nas opções investigadas pelas autoridades do MP e Operação Pecúlio da PF, visando “terceirizar” serviços da saúde no Município, através dos muitos formatos em licitações e editais nos projetos das PPP;

 

– Considerando especialmente a Portaria MPPR-0053.16.000262- 1 da 6ª Promotoria de Justiça da Comarca de Foz do Iguaçu, que instaurou Inquérito.

 

– Considerando finalmente a aprovação unânime, na Plenária nº 627 de 12 de maio, que autorizou a promoção pública das denúncias ao MP Estadual, MP.

 

Federal, e todas as demais instâncias do Controle Social do SUS, contra a Gestão da Fundação Municipal de Saúde-FMS.

 

RESOLVE:

 

Art. 1º – Aprovar as denúncias públicas, com encaminhamentos de documentos oficiais ao MPE e MPF e a todas as demais instâncias do Controle Social do SUS, contra os abusos de poder e possíveis crimes de responsabilidade, praticados na gestão FMS-Fundação Municipal de Saúde;

 

Art. 2° – Este Resolução entrará em vigor na data de sua aprovação.

 

Art. 3º – Revogam-se todas as disposições em contrário.

 

Foz do Iguaçu, PR. 13 de Maio de 2016

 

Sadi Buzanelo

Presidente

 

.

MARINHA DO BRASIL

CAPITANIA FLUVIAL DO RIO PARANÁ

NOTA À IMPRENSA

O Comando do 8° Distrito Naval informa que, no dia 22 de maio, às 14h55, uma Equipe da Capitania Fluvial do Rio Paraná (CFRP), em Inspeção Naval no Lago de Itaipu, socorreu a tripulação de uma embarcação de esporte/recreio que, com avarias no casco, veio a arribar na margem brasileira, no limite entre os municípios de Foz do Iguaçu/PR e Santa Terezinha de Itaipu/PR, a aproximadamente 15 km da barragem de Itaipu.

Acidente barco_22_5_16-Lago

Não houve vítimas.

A embarcação sinistrada, de nome “Posselt”, mede aproximadamente cinco metros de comprimento, é dotada de motor com 90 hp de potência e estaria tripulada por três homens. A Equipe da Capitania conduziu um dos tripulantes ao Iate Clube Lago de Itaipu, distante aproximadamente 8 km do local, a fim de que providenciasse a retirada da embarcação da água, enquanto os outros dois tripulantes permaneceram na margem, em segurança, junto à embarcação. Será instaurado Inquérito Administrativo para apurar as circunstâncias do acidente.

Na oportunidade, a Capitania Fluvial do Rio Paraná ressalta à sociedade a importância da comunicação, com a maior brevidade possível, de qualquer situação que represente risco à segurança  da navegação, à salvaguarda da vida humana nas águas interiores, ou de poluição proveniente de embarcações, por meio dos telefones: (45) 3523-2332 ou (45) 3574-1399.

(See attached file: IMG-20160522-WA0019.jpg)(See attached file: IMG-20160522-WA0020.jpg)(See attached file: IMG-20160522-WA0022.jpg) Foz do Iguaçu – PR, 22 de maio de 2016.

 Atenciosamnete:

1º Ten(RM2-CD) Maia Oficial de Serviço do dia 22/05/2016

Marinha do Brasil, protegendo nossas riquezas, cuidando da nossa gente

 

.

Uma Corujinha me contou que um certo LINGUARUDO, será esta pra levar um belo na bunda de certa AM local, quem será o fofoqueiro?Lingua-Psada

                                Coruja vai ser depenada em Foz neste ano eleitoral de 2016.